quinta-feira, 3 de março de 2011

GA-REI-ZERO: Muito Suspense, Ação e Gore nessa alucinante história de amor e amizade


Aproveitando a deixa da editora Jbc que lançará o mangá Ga-Rei aqui no Brasil, vou aproveitar e falar deste, que é um dos animes mais marcantes que já assisti. Ga-Re-Zero é grandioso,  envolvente e emocionante. Ao abrir mão do maquineismo e nos brindar com uma história em que, duas grandes amigas tem que têm que lutar mortalmente uma contra a outra, sem que nenhum dos dois lados, seja mocinho ou vilão.


“Você mataria alguém que ama, por amor?”

"Você mataria alguém por amor?" Esse o subtitulo do anime GA-REI-ZERO, que os produtores parecem ter se preocupado em estampar claramente para que percebamos desde o inicio do que se trata a história." 


Sinopse

Após Kagura Tsuchimiya perder sua mãe, que combatia demônios, seu pai resolve deixa-la com seu velho amigo, Isayama Garaku. Ele que já criava uma garota adotada que tinha como sua filha, Yomi Isayama, que é um pouco mais velha que Kagura. As duas passaram a viver juntas e criaram um forte laço de amizade e Yomi tratava Kagura como se fosse sua irmã mais nova. A amizade entre as duas garotas toma um novo rumo, quando Yomi permite que Kagura trabalhe ao seu lado no Centro de Prevenção a Desatres Sobrenaturais, uma agência especial que tem como incumbência, proteger o Japão de ameaças sobrenaturais.


Desenvolvimento

Assim como a maioria das sinopses, esta não nos dá nada de relevante que nos motive realmente a assistir o anime, por isso que resenhas e analises, ainda são o melhor meio de se saber mais sobre determinada série. O desenvolvimento de Ga-Rei-Zero é incrível, pois todos os 12 episódios do anime são importantes e nos revelam algo, a trama se desenvolve de uma forma tão ágil que não deixa espaço para qualquer barriguinha no meio da série ou aquele típico episódio filler, que não acrescenta nada ao enredo e só serve para enrolar.


A ordem cronologica dos acontecimentos se dá de forma contrária, o primeiro episódio nos apresentado é...(melhor não contar, apesar de obvio) e o diretor foi tão genial que usou desse artificio, nos mostrando grande parte dos acontecimentos desse episódio para nos prender nos episodios seguintes. Desde o inicio já nos é apresentado á "vilã" da história, e aparti dai o que vemos é o seu desenvolvimento e o sentimento que fica presente em nós é uma angustia enorme, de saber o que estar por vir.


Ei Aoki, o estimado diretor desse anime, foi tão sacana, fazendo todos se apaixonarem pela até então, aparente assassina sanguinária que nos é apresentado no primeiro episódio. Mas porque uma garota tão doce e gentil como Yomi estaria cometendo atos tão bárbaros e típicos de um protagonista badass (fodão, assim como a Lucy)? E a resposta que nos é apresentada, não só é aceitável como também envolvente. Afinal, você sabe o que vai acontecer e assistir todas as peças se juntando e formando o cenário visualizado no primeiro episódio é angustiante.


Com um enredo que trabalha de perto com a morte de vários personagens - importantes - assim como em Blood+, Ga-Rei-Zero promove reviravoltas que mexe com toda a estrutura do anime e assim como um furacão, nos leva a rumos inesperados. Embora o primeiro episódio pareça nos dar a impressão de se tratar de um anime genérico sobre demônios e zumbis, logo você se vê as voltas a um festival de sangue, membros decapitados e  cabeças voando longe do corpo. O episódio ainda termina com uma nota ortodoxa e inquietante, com vislumbre de longas animados. O primeiro episódio é composto quase que em sua totalidade, de ação ininterrupta, que parece ter buscado uma inspiração hollywoodiana. Utilizando técnicas de combate que inspira a incredulidade que sentiamos diante daqueles filmes japoneses que envolvem lutas com espadas (Eu adoro uma espada, sério, quando criança ficava vidrada em filmes de samurais, onde a honra se lavava no fio da espada cortante - olha os pensamentos maldosos) e libera uma seqüência chocante que nos desperta curiosidade para os episódios seguintes.

morra morra morra, vadia invejosa :) - Mei acabou virando uma "vilã" mediocre

Critica

Mas uma série não pode depender apenas de cenas que nos chamam a atenção para se manter. O verdadeiro teste vem em sua capacidade de tecer uma história que seja envolvente e no caso deste anime, saber trabalhar com os dois lados da moeda, já que o plot central da trama pede que seja realmente comovente. Assim como o próprio titulo do anime sugere; Ga-Re-Zero, a história do anime acontece bem antes da trama que é contada no mangá, é o inicio de tudo. Com uma história original, que não consta no mangá, a produção resolveu contar no anime o passado de Kagura (protagonista do mangá). A decisão de começar a história deste ponto foi realmente acertada, pois a trama envolvendo Kagura e Yomi, certamente é muito mais interessante e avassaladora que o plot central de Ga-Rei, onde os protagonistas são Kensuke Nimura juntamente com Kagura. Embora isso elimine a incerteza sobre os rumos que a trama irá tomar, dá ao espectador uma terrível sensação de tragédia eminente, porque o destino já está predeterminado, o que estimula em quem assiste a curiosidade de descobrir como tudo acontece ou como a situação foi chegar a tal ponto. A pressão psicológica causada apartir deste fato e toda a simpatia que tal personagem desperta em você, é que faz o impacto ser ainda maior.

Òdio, rancor, injustiça e amargura. Elementos tão usuais, que foram tão bem trabalhados aqui. 

Isayama Yomi, com todo o mérito, é aplaudida como a melhor personagem do anime, a construção da narrativa de sua personagem foi excelente, estabelecendo desde o inicio a forte ligação fraternal com sua amiga e rival, Kagura. Como já dito lá em cima, sua atitude alegre, otimista e corajosa, aliada a toda técnica que a garota desenvolve com a espada (o publico adora protagonistas frias e sanguinárias, embainhando uma espada então...tssss, né Saeko-sama?) gera bastante simpatia perante o publico, o que torna o seu destino e sua luta desenfreada contra tudo e todos algo realmente muito trágico. Alias, eu tinha até me pronunciado na matéria do Critico Nippon sobre Lutas entre Companheiros, que esta era uma de minhas preferidas, por fugir do obvio e lugar comum. Os conflitos abordados sobre o restante do elenco também é um ponto alto do roteiro, pois nenhum personagem é desperdiçado. Enquanto acompanhamos todo, o conflito com Isayama Mei, intrigas familiares e o misterioso garoto que faz uso de uma técnica letal, também podemos acompanhar todo o desenvolvimento da inocente e ingênua Kagura e seu difícil processo de crescimento. Ela que tinha uma auto estima baixa, mas que ao lado de Yomi pode aprender a sorrir e conseguiu se tornar até mais forte que a amiga, sendo uma excelente exorcista.

O sussurro do "diado" pode ser tentador as vezes. O que você faria pra fugir de uma dor insuportável?

A animação é fluida, o uso de CG por vezes, deixa o ambiente com um ar meio superficial, mas não é nada que venha comprometer as cenas de ação. As cenas de ação e lutas, são bem exageradas e remete a produções de Hollywood. Como por exemplo uma famigerada cena, onde uma personagem na cadeira de rodas começa a participar de toda ação, inclusive a cena onde ela desloca sua perna superficial e no lugar surge uma metralhadora, que começa a disparar pra todos os lados (@.@) é exatamente igual ao ocorrido no filme de zumbi; Planeta Terror. No mais, as técnicas, armas e as lutas de Ga-Rei-Zero estão bem acima da média para o publico comum (leia-se, que assistem a determinada série sem procurar erro e defeito em todo o lugar).


Censura 

A censura caiu em cheio para este anime e todos os canais que o retransmitiu - com exceção do manjado AT-X - deram aquela censurada marota para aqueles que tem estômago fraco (D:):





Ga-Rei

The Enchained Spiritual Beast Ga-Rei ou simplesmente Ga-Rei é um mangá shonen sobrenatural, mesclado com muita ação e romance de Hajime Segawa e foi serializado pela Kadokawa Shoten na revista mensal Shonen Ace. A série rendeu 12 volumes, um spin-off intitulado Ga-rei - Tsuina no Shou e um anime;  Ga-Rei: Zero, que aborda o passado de Kagura junto á Yomi. Darei mais detalhes do mangá mais a frente quando tiver com meu volume em mãos, quase nem lembro mais como é o inicio de tudo.


Conclusão

Confesso que não me prendi a parte técnica e sequer me lembro de qualquer coisa que pudesse prejudicar a fluidez da trama. O fato é que grandes animes acabam imortalizados em nossas lembranças e não nos importa muito quando nos vêm falar de sua parte técnica. Ga-Rei-Zero está longe de se tornar tão grande como foi o dramático e sanguinolento Basilisk, mas é daqueles que conseguem marcar, seja por uma cena, dialogo ou personagem, afinal, pra se tornar inesquecível, a obra só precisa nos tocar bem fundo. Como foi em Elfen Lied e diversas outras adaptações, pra se aprofundar e saber mais o enredo, só lendo o mangá, mas o anime funciona bem como uma obra fechada e de certa forma, se tornou independe da obra original. Assim como é apreciado por mim, todo o gore, drama, o nú das personagens e ação, foram usados em prol da história e não para o fanservice gratuito. Ga-Rei-Zero é uma boa pedida, mesmo para os mais críticos, sua arte encanta e sua história comove e a ação desenfreada...bem, esta é pura diversão. O background do anime mesmo não sendo marcante, aparece sempre nos momentos certos e juntamente com a Opening e Ending, nos deixam totalmente no clima. Um aviso ao mais emotivos (como eu), o final é arrebatador e ao contrário do que foi no mangá, provavelmente te levará as lágrimas.



Direção: Ei Aoki
Estúdio: AIC
Episódios: 12
Tipo: Tv

OP & ED


A amizade sincera entre Yomi e Kagura é uma das coisas mais bonitas do anime
  "Por quê? Por quê? Seria melhor sermos só irmãs normais. Sem ser exorcistas ou ter um destino. Eu queria ter nascido como sua irmã, Yomi." 

12 comentários :

borbs (twiiter @Andresama) disse...

eu prefiro garei-zero a basilisk, normalmente os animes de 12/13 episódios conseguem se desenvolverem melhor, sem criar inchaço no meio da trama. Tbm acho o anime infinitamente superior ao mangá, tem nem comparação. Yomi>>>>>>all

Jones disse...

Ta up! Ja baixei todos hj, amanhã c pah vou dar uma olhada nos 4 primeiros epi. Esse era um dos animes que eu tava empurrando com a barriga pra baixar, mas já que fez uma resenha detalhada e confio na opinião de vcs me empolguei em baixar e vou olhar com olhos criticos tbm.
Valew ae Carol.
Bju me liga...

julio pq disse...

Já vi o anime e belos cometários que você fez. Quando terminei de assistir, fiquei loucão pra ver o mangá mas recebi um balde de agua fria quando fui pesquisar sobre ele. descobri que a história era diferente, com um outor foco, como você mencionou e então acabei nem me interessante. Agora que vai ser lançado aqui, talvez eu leia. Vou ficar aguando seus comentários sobre ele. O história do anime me prendeu muito e fico com receio de que isto estrague minha diversão ao ler o mangá que tem outra perspectiva.

Yagami Light disse...

ja ta na minha lista, aquela moto ali me lembrou Akira. T++++

Jhon Almeida disse...

Ótima resenha hein, tá aí um ótimo anime. Quando acabei de ver o anime também fiz que nem o julio, fui procurar alguma referência do mangá e me disseram que a história era diferente e nem li.
Mas já que o mangá vai ser lançado aqui e faz um tempo já que vi o anime, acho que vale a pena dar uma conferida nele.

♠♦♥*PaniC*♥♦♠ disse...

Só uma dúvida...
Alguem ja achou a serie completa sem censura(legendas PT/BR) pra baixar?
A muito tempo comecei a baixar assistí ele com censura, fikei sabendo q tinha uma versão sem e baixei só pra ver a diferença e gostei, porem até hj a versão "uncut" só vai até o ep6.....
De la pra ca eu espero os outros capitulos mas n acho.Alguem sabe se existe?
Parabéns pelo blog! gostei muito.Gostaria de ver mais animes com gore porem com estoria.
VLW o/

Roberta Caroline disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Roberta Caroline disse...

Sinto muito, o lugar onde eu tinha baixado sem censura, esta off line. Foi no Sakura Animes. ^_^

♠♦♥*PaniC*♥♦♠ disse...

Só uma dúvida...
Alguem ja achou a serie completa sem censura(legendas PT/BR) pra baixar?
A muito tempo comecei a baixar assistí ele com censura, fikei sabendo q tinha uma versão sem e baixei só pra ver a diferença e gostei, porem até hj a versão "uncut" só vai até o ep6.....
De la pra ca eu espero os outros capitulos mas n acho.Alguem sabe se existe?
Parabéns pelo blog! gostei muito.Gostaria de ver mais animes com gore porem com estoria.
VLW o/

Yagami Light disse...

ja ta na minha lista, aquela moto ali me lembrou Akira. T++++

Anônimo disse...

entao, srta Autora, o site 'sakura' q vc mensionou tem os episodios do anime para baixar sem sensura?? (:

Roberta Caroline disse...

O Sakura Animes está online novamente, você deve encontrar os links sem censura por lá.

Postar um comentário

Os comentários deste blog são moderados, então pode demorar alguns minutos até serem aprovados. Deixe seu comentário, ele é um importante feedback.